Ideia Glass
Início » Por que as casas brasileiras têm muitos banheiros?
Bed Room Dicas

Por que as casas brasileiras têm muitos banheiros?

Conheça as vantagens de ter um Box Elegance da Ideia Glass

Você já se perguntou porque as casas brasileiras têm muitos banheiros? Algo que não é tão comum assim em outras culturas.

Afinal, ao olhar uma casa aqui no Brasil, é comum que muitas tenham dois ou mesmo três banheiros.

Inclusive, em alguns casos, o número de moradores é quase proporcional ao número de cômodos, algo que pode parecer curioso para estrangeiros.

Pensando nisso, aqui vamos contar melhor como esse hábito surgiu e também o que isso pode significar para o dia-a-dia.

Vamos lá!

Conheça 8 tipos de box de banheiro da Ideia GlassPor que as casas brasileiras têm muitos banheiros – Como começou

Inicialmente, é preciso lembrar um pouco da história do Brasil e também do seu processo histórico, mesmo que brevemente.

Desde a invasão de Portugal e a criação de colônias, todo o território começou uma nova ideia de sociedade, adaptando hábitos dos invasores e também dos indígenas que vivam aqui.

Sabemos que os povos indígenas eram extremamente limpos.

Inclusive, a ideia de banho diário é deles, e não dos portugueses, que tinham o hábito de se limpar ocasionalmente.

Desde então, se deu início a necessidade de espaços para se limpar e fazer as necessidades.

Entretanto, ao longo dos anos, uma outra questão surgiu: a quantidade de filhos.

Se você observar seus avós e até os mais antigos, vai notar que era comum que as famílias tivessem muitos filhos.

Agora, imagina uma casa com pai, mãe e cinco filhos, totalizando sete pessoas e todas usando o mesmo banheiro.

Isso sem pensar nas famílias que tinham mais de oito crianças correndo pela casa.

Neste cenário, surgiram diferentes questões, como por exemplo:

  • A preocupação dos pais em meninas e meninos usarem o mesmo banheiro;
  • Transmissão de doenças masculinas para as meninas, já que os meninos começavam a vida sexual mais cedo;
  • Toda a questão envolvendo a menstruação das meninas e assim por diante.

Portanto, ali já surgiu essa necessidade de mais banheiros em uma casa, para conseguir acomodar todos os moradores.

Mas não é só isso, durante os anos 60, uma nova “moda” surgiu nas casas: a suíte do casal.

Assim, era muito comum que as famílias tivessem um banheiro no quarto dos pais, de uso exclusivo dele, e outro para os filhos.

Tudo isso garantia um pouco mais de privacidade, intimidade e até mesmo de higiene.

Importante

Vale lembrar que os indígenas ficam as necessidades humanas como algo completamente natural.

Então, não existia a vergonha e a natureza fazia o seu trabalho.

Já os europeus, de quem os brasileiros pegaram diversos hábitos, consideravam essas necessidades como algo para “não falar sobre”, em nenhuma hipótese.

É provável que deles tenha se iniciado o hábito de ter as “casas de banho”, bem longe das moradias e que ofereciam certa privacidade.

Porque isso continuou ao longo da história?

Considerando que as famílias já não têm a mesma quantidade de filhos, você pode se questionar porque as casas brasileiras tem tantos banheiros nos dias de hoje.

A questão aqui continua sendo quase a mesma: espaço e conforto.

Mesmo hoje, onde as famílias tem poucos filhos e, quase sempre, moram separados de outros entes, é comum ver casas com ao menos dois banheiros.

Na maior parte dos casos, o que pode ser observado é que um deles fica para uso restrito dos moradores e o outro se torna o “banheiro das visitas”.

Além disso, continua sendo comum que os pais usem um e acabam deixando o outro apenas para os filhos.

Isso também acontece porque o banheiro não é apenas um local para fazer as necessidades básicas.

Hoje, esse é um cômodo da casa que se refere a relaxamento, conforto e mais intimidade.

Ou seja, você vai usar para tomar aquele banho no final do dia, se preparar para uma ocasião importante, arrumar os cabelos e muito mais.

Não à toa, muitas famílias já investem em transformar um dos banheiros em spa: com box diferentes e iluminação diferenciada.

Curiosidades sobre os banheiros brasileiros

Depois de entender porque as casas brasileiras têm tantos banheiros, é hora de conhecer algumas curiosidades interessantes sobre este espaço intimo e tão amado por alguns.

A arte da limpeza:

O Brasil é um dos poucos países onde existe o hábito de limpar toda a casa, incluindo o banheiro, jogando água.

Nos Estados Unidos por exemplo, isso é impossível, já que as casas são feitas, em sua maioria de maneira.

Como resultado, é comum ver estrangeiros achando o máximo o fato de jogar água até nas paredes para limpar.

Box para causar inveja:

Box Flex Cromado
Box Flex Cromado instalado em um banheiro de tamanho médio, para aproveitar melhor o espaço de abertura do vão.

Principalmente em solo americano, é comum o uso de banheira com aquelas cortinas plásticas.

Inclusive, muitos brasileiros não gostam nem de olhar para essas cortinas que grudam no corpo enquanto você se lava.

Como resultado, os banheiros brasileiros causam uma certa inveja em alguns povos, já que é possível incorporar box de vidro incríveis usando chuveiro ou mesmo banheiras.

O aumento dos banheiros unissex:

No último ano, tem crescido o número de banheiros unissex aqui no Brasil, um movimento que promete continuar em alta. Também são conhecidos como banheiros mistos.

Entretanto, sabia que isso era algo bastante comum até 1739?

Tudo mudou durante um baile em Paris, quando a nobreza foi apresentada a ideia de banheiros separados por gêneros.

A ideia cresceu rapidamente, se espalhando pelo globo, inclusive em solo brasileiro.

Entretanto, se você for para a Europa, verá que muitos estabelecimentos ainda mantém os banheiros unissex como prática.

As casas brasileiras têm muitos banheiros e muitos nomes:

Enfim, o banheiro é um espaço único da casa e que recebe diversos nomes, inclusive apelidos por parte dos moradores.

Aqui no Brasil, o mais comum é que esse cômodo seja chamado apenas de sanitário ou banheiro.

Entretanto, em Israel, o espaço é quase sempre chamado de “casa de honra”, enquanto que no Egito é chamado de “casa da manhã”.

Para os ingleses, é chamado de “water closet”, algo como casa/gabinete de água, e existem muitos outros sinônimos, como:

  • Toalete;
  • Lavabo;
  • Quarto de banho;
  • Latrina;
  • Ladies/men’s room;
  • Loo (apelido dado pelos britânicos) e tantos outros.

Então, ainda ficou com alguma dúvida? Não deixe de acompanhar nossa página de dicas para ficar de olho em todas as novidades aqui da página.

Tenho certeza que vai encontrar o melhor para o seu espaço!

Artigos Relacionados

Opção para quem procura um produto de baixo custo

Ideia Glass

Quantos banheiros tem em uma casa americana?

Ideia Glass

Ganhe mais trabalhando menos

Ideia Glass

Deixei um comentário

6 − 6 =